Hoje: Meditação da Lua Cheia

Promoção: Arte de Viver

Promoção: Arte de Viver

Acontece hoje, em vários pontos do Brasil, a Meditação da Lua Cheia, promovida pela Arte de Viver.

As meditações coletivas têm um efeito potencializado. Iniciativas como esta contribuem para a maior conscientização com relação à meditação e possibilitam que este conhecimento seja acessado por mais pessoas. Além do que, a meditação tem um efeito muito positivo no ambiente.

Veja os locais de realização em cada cidade.

Anúncios

Cem dias de amor-bondade

A comunidade de meditação budista Wildmind promove, a partir desta sexta 31 de janeiro, o evento online 100 Dias de Amor-Bondade, uma oportunidade de, ao longo de um período de pouco mais de três meses, trazer mais compaixão e bondade a nossas vida.

Conhecida em inglês como Loving-Kindness e em português como meditação de amor-bondade ou da compaixão, a  Mettã ou Metta Bhavana é uma das mais antigas formas de prática budista, transmitida em uma linha ininterrupta de mais de 2.500 anos. O objetivo é o desenvolvimento de sentimentos de amor incondicional, empatia, bondade e compaixão em relação a si mesmo, outras pessoas e, eventualmente, em relação a todas as formas de vida.

Uma pesquisa publicada em 2012 pela Revista Brasileira de Medicina de Família e Comunidade demonstrou que prática dessa meditação “mostra-se como uma ferramenta útil e promissora como recurso complementar no tratamento de diversas doenças, tanto fisiológicas quanto psicológicas, demonstrando-se ainda como poderoso recurso auxiliar ao processo psicoterapêutico, trazendo inúmeros benefícios aos seus praticantes”.

Durante os 100 Dias de Amor-Bondade, aprenderemos a:

  • Apreciar que a bondade é algo inerente em nosso ser, e que só precisa ser alimentada
  • Ser gentil conosco
  • Ser menos irritadiço e mais paciente com os outros
  • Desenvolver aceitação em vez de fazer julgamentos
  • Desenvolver compaixão genuína
  • Evitar a “compaixão idiota” (onde negamos as nossas próprias necessidades para servir os outros )
  • Tornar-mos mais sensíveis e ver o melhor nos outros
  • Ganhar equilíbrio ao lidar com as dificuldades da vida

Ao se inscrever, você vai receber diariamente um lembrete para a prática, com links para meditações guiadas e outros recursos. Há também uma comunidade no Google Plus, onde os membros podem fazer perguntas, compartilhar a experiência e obter apoio e encorajamento. A participação em 100 dias de Bondade é aberta a todos e gratuita (doações são aceitas) – inscreva-se aqui.

Os comunicados serão em inglês. Com o intuito de ampliar a mensagem, vou me esforçar para traduzir parte do material e publicar aqui. Acompanhe!

Desafio: 21 dias a meditar

Encontrei hoje o blog da Margarida Cardoso, com logo aceitei o desafio de passar 21 dias meditando.

A ideia é mostrar que a prática faz o monge: se é difícil começar a praticar a meditação, a solução é usar a força de vontade para tornar a prática um hábito, um ritual, uma rotina – parte do nosso cotidiano. Assim como escovar os dentes.

Normalmente, esse é o tempo necessário para estabelecer um hábito novo, portanto eis o desafio:

Tenho a propor um desafio de 21 dias. Se falharmos um dia, recomeçamos do zero. E porquê 21 dias? Dizem que precisamos de 3 semanas para instalar um novo hábito. Não sei se é verdade, mas temos de começar de alguma forma.

Na primeira semana começaríamos com 15 minutos por dia (no momento do dia mais conveniente para cada um). Na segunda semana tentaríamos os 20 min. E depois os 25min. Se não conseguir, escolha um período de tempo mais curto… mas comece (e se já é um meditante experiente… aumente a fasquia!)

A Margarida destaca ainda a importância da motivação e do compromisso para conosco mesmos – e assumir um compromisso perante um grupo ajuda, assim todos podemos motivar uns aos outros. E fica mais divertido! Para fazer parte, inscreva-se aqui, e a cada dia você receberá um email de lembrete. Se precisar de ajuda, eis os conselhos da Margarida para principiantes.

Um tiquinho da minha experiência – já participei de alguns vários desafios do tipo, promovidos a cada estação pelo Chopra Center Meditation, mas confesso que nunca consegui acabar nenhum deles, pois ficava desmotivada se faltasse um dia ou outro, e como as meditações guiadas só ficavam no ar por um determinado tempo, eu acabava não conseguindo chegar ao fim. A diferença da proposta da Margarida é que em caso de falta devemos recomeçar do zero – não tem como dar errado!

E considerando que já estou meditando diariamente desde o dia 23 de dezembro (quando lancei o desafio para mim mesma), me dou conta que completei ontem meus primeiros 21 dias, e posso dar meu testemunho positivo: estou adorando, e hoje até acordei mais cedo para meditar mais (então, Margarida, já estava no desafio e não sabia!). Seria a prova de que o hábito enraizou-se em mim?

Margarida Cardoso

Quase todos os praticantes de meditação estão de acordo: custa começar a praticar, sentar, fazer disso um hábito, um ritual, uma rotina no nosso dia-a-dia.

É importante refletir na nossa motivação, rever prioridades, mas também assumir um compromisso para connosco– e para reforçar o compromisso, assumi-lo perante outros.

Tenho a propor um desafio de 21 dias. Se falhar um dia, recomeça do zero. E porquê 21 dias? Dizem que precisamos de 3 semanas para instalar um novo hábito. Não sei se é verdade, mas temos de começar de alguma forma :)

Na primeira semana começaria com 10/15 minutos por dia (no momento do dia mais conveniente para si). Na segunda semana tentaria os 20 min. E depois os 25 min. Se não conseguir, escolha um período de tempo mais curto… mas comece (e se já é um meditante experiente… aumente a fasquia!)

Pode encontrar alguns conselhos aqui e aqui.

Ver o post original 12 mais palavras

Meditação da Lua Cheia – janeiro – primeira de 2014

A primeira lua cheia de 2014 acontece nessa quinta-feira, em 16 de janeiro, e a Fundação Arte de Viver realiza a primeira Meditação da Lua Cheia do ano. Essa meditação guiada mensal acontece simultaneamente em mais de 10 cidades no país: BrasíliaCuritibaFlorianópolisFortalezaGoiânia, Rio de Janeiro (ArpoadorBarra da Tijuca e Niterói), RecifeSantosSalvador e em vários pontos de São Paulo. Não é necessário ter experiência prévia em meditação para participar do evento, gratuito e aberto a todos.

Os raios da lua afetam seres humanos, animais, plantas, água, e por aí vai. Nosso corpo tem 70% de água. Então a meditação da lua cheia ajuda quem busca o conhecimento a ir fundo, a transcender a mente e a sentir a divindade no seu interior.

meditação lua cheia

Próximas Meditações da Lua Cheia: 15 de fevereiro, 16 de março, 14 de abril, 14 de maio e 12 de junho. Veja a agenda de eventos, e em caso de dúvidas ou para mais informações, escreva para info@artedeviver.org.br

Seja onde você more, é possível usar a sua intenção para se conectar energeticamente com pessoas que estão meditando durante a lua cheia em todo o mundo, perto ou longe de você. No horário de Brasília, o momento exato da lua cheia será as 02h52 da manhã do dia 16 de janeiro: e muita gente no mundo inteiro seguirá o horário correto em seus países (veja aqui). Em função do fuso horário, a lua cheia, isso significa que a qualquer momento que você possa meditar, estará em conexão com outras pessoas no mundo.